terça-feira, 31 de maio de 2011

Oferenda....



Não te darei flores. Elas murcham. Elas morrem.
Não te darei presentes. Eles envelhecem. Eles desbotam.
Não te darei bombons. Eles acabam. Eles derretem.
Não te darei festas. Elas terminam, Elas se vão.

Não te darei bichinhos. Eles querem. Eles comem.
Não te darei papéis. Esses rasgam. Esses borram.
Não te darei discos. Eles repetem. Eles arranham.
Não te darei casacos. Não te darei nada que se resguarde.
Não te darei nada que se vá.


Dar-te-ei finalmente os beijos meus
Deixarei que esses lábios sejam meus, sejam teus.
Esses embalam...esses secam...mas esses ficam.

Dar-te-ei a mim mesmo agora.
E serei mais que alguém que vai correndo pro fim.
Esse morre...envelhece...acaba e chora...ama e quer...desespera esse vai...
Mas esse volta.

Eu não tenho muito a te oferecer. 
Mas gosto muito de você.






4 comentários:

  1. Lindo texto.
    Continua tendo boas inspirações.
    Parabéns!!

    ResponderExcluir
  2. As vezes oferecemos poucas coisas que significam muitas para nós, mas ai vêm outra pessoa e atrapalha oque planejamos.

    Bom texto. Espero que sua fonte inspiradora não seque..
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Respondo ao comentário acima da seguinte forma. Aos meus desejo sorte, aos teus que a sorte os deseje.

    ResponderExcluir
  4. Ah minha amda amiga..
    Obrigado viuh pelas palavras curtas mas sinceras.
    Sei que você deseja o nosso bem o quanto desejamos o seu..
    Tinhamúuu

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...